Visualizar:

▼ Textos
  • FONOAUDIOLOGIA: benefícios que a amamentação promove aos órgãos da fala

    01

    Ago
    01/08/2011 às 21h59

     

     

    Amamentação e fonoaudiologia

     

    O Fonoaudiólogo é o profissional que atua em pesquisa, prevenção, avaliação e terapia na área da comunicação oral e escrita, voz e audição, bem como no aperfeiçoamento dos padrões de fala.

    Para que haja um bom desenvolvimento e equilíbrio da musculatura oral e consequentemente bom padrão articulatório, é necessária a estimulação desde o nascimento, através do ato de amamentar.

    A amamentação no seio beneficia a criança não só em relação ao aspecto nutritivo propiciando o desenvolvimento físico e neuropsicomotor, mas também estimula o padrão nasal de respiração, estimula os músculos que participam da fala e das funções da alimentação (sucção, mastigação e deglutição). Proporciona também o início da comunicação e afetividade entre mãe e filho (Teles e Nascimento, 2003).

    A sucção através do aleitamento materno é fundamental para o desenvolvimento osteomuscular e para o equilíbrio das arcadas dentárias e língua.

    Observa-se que o bebê nasce com retração mandibular e o espaço oral é pequeno. A sucção através da amamentação irá desenvolver os músculos da face e gerar um crescimento harmonioso de todas as estruturas orais. As estruturas envolvidas no ato de sugar serão as mesmas estruturas utilizadas para falar e mastigar.

    Bebês prematuros enfrentam dificuldades na amamentação, já que necessitam de estímulo quanto ao reflexo de sucção e não coordenam sucção/respiração/deglutição. A ação fonoaudiológica é essencial nessas situações onde o bebê inicialmente não tem condições de ser amamentado.

    A amamentação também beneficia as mães, já que elas passam a ter reduzido risco de câncer de mama, útero e ovário e recuperam a forma física mais rapidamente, além de ser prático e econômico, já que não é necessária a compra e preparo de leites infantis (Gamgurgo, Munhoz, Amstalden, 2002).

    As mães, no geral, não conhecem sobre os benefícios relacionados aos órgãos da fala e desenvolvimento craniofacial que a amamentação proporciona. Assim, foi observado em pesquisa realizada em uma maternidade, na cidade de São Luís, no período de setembro e outubro de 2005, onde 39 mães foram questionadas sobre quais benefícios a amamentação é capaz de proporcionar ao bebê. As respostas das mães foram que “o leite da mãe é mais saudável”, “ajuda no crescimento”, “previne doenças”, “mantém a criança bem alimentada”, ”a criança cresce com mais saúde”, ”traz benefício para mãe, pois o útero volta ao tamanho normal”. Dessa forma, durante a pesquisa foram realizadas orientações sobre fonoaudiologia e as vantagens do aleitamento tanto para mãe quanto para o bebê.

    Para os fonoaudiólogos, amamentar o bebê significa prepará-lo para falar e constitui uma forma de prevenir futuras alterações, já que o aleitamento materno promove o crescimento harmonioso das estruturas que compõem o sistema estomatognático.

    Pense no futuro de seus filhos.

    Carla Faedda.

    Digite os números da imagem ao lado:

    Comentar
Home |  Blog Grátis |  Hospedagem HTML Grátis |  Quem somos |  Parceria |  Anuncie |  Ajuda
Trabalhe no XPG |  Política de Privacidade |  Política de Segurança |  Denúncia © 2004-2017 XPG | Siga esta corrente